Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Menu

Bolsonaro ficará internado em SP para “tratamento clínico conservador”, diz boletim médico

No primeiro boletim após a internação de Jair Bolsonaro no Hospital Vila Nova Star, divulgado na noite desta quarta-feira (14), os médicos informaram que o presidente não vai passar por cirurgia em um primeiro momento e seguirá internado para um tratamento clínico conservador.

“O Senhor Presidente da República, Jair Messias Bolsonaro, foi transferido na noite desta quarta-feira para o Hospital Vila Nova Star, em São Paulo, após passar por uma avaliação no Hospital das Forças Armadas, em Brasília, e ser diagnosticado com um quadro de suboclusão intestinal. Após avaliações clínicas, laboratoriais e de imagem realizadas, o presidente permanecerá internado inicialmente em tratamento clínico conservador”, explicou o boletim assinado por Antônio Luiz de Vasconcellos Macedo, cirurgião-chefe do hospital com os médicos do presidente.

O persidente deu entrada no hospital, na zona sul de São Paulo, por volta das 19h30 e fez uma série de exames. O presidente chegou ao local em uma ambulância, acompanhado do filho Carlos Bolsonaro.

Antes, deu entrada no Hospital das Forças Armadas, em Brasília, nesta quarta-feira, após se queixar de dores abdominais. Ele já tinha reclamado de uma crise persistente de soluços com apoiadores. O problema já dura cerca de 10 dias e tem atrapalhado a oratória do presidente.

Um exame constatou que ele estava com o intestino obstruído. Por isso, ele foi transferido para São Paulo em um avião da Força Aérea Brasileira, chegando ao aeroporto de Congonhas por volta das 18h50.

Mesmo com Bolsonaro internado, Mourão mantém compromisso em Angola; assista

FonteBand.

Deixe seu comentário: