Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Menu

Ministro Mandetta continua no cargo

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta (DEM), confirmou que fica no cargo em entrevista coletiva no ministério, após reunião com o presidente Jair Bolsonaro e ministros no Palácio do Planalto.

Após uma segunda-feira conturbada nos bastidores, o ministro afirmou: “Teve gente aqui dentro limpando gaveta, até as minhas gavetas vocês ajudaram a fazer a limpeza”.

A divergência entre o presidente e ministro aconteceu pelas diferenças de pensamento em relação as estratégias para conter a velocidade do contágio. O presidente defende o “isolamento vertical”, ou seja, isolar somente idosos e pessoas com doenças graves e que estão no grupo de risco, para não paralisar a economia.

O ministro é a favor do isolamento amplo na qual a recomendação é que as pessoas se mantenham em casa, que foi adotado por governadores. Essa medida também foi adotada em vários países e é recomendada pela OMS (Organização Mundial de saúde).

Na coletiva Mandetta disse que o inimigo não é o presidente. “Nós vamos continuar porque, continuando, a gente vai enfrentar o nosso inimigo. O nosso inimigo tem nome e sobrenome: é o covid-19”.

E voltou a repetir: “Médico não abandona paciente. Eu não vou abandonar”, declarou o ministro.

 

 

 

Fonte: Fabíola Nishi.

Deixe seu comentário: